Design de camisas de futebol dos times paulistas

Hoje o blog da Paulista entra em campo para falar sobre uma das maiores paixões dos brasileiros: o futebol.

Mas o que uma gráfica online pode falar sobre futebol? Com certeza não é comum tratar aqui no blog sobre os gols da rodada, qual jogador se destacou mais e os lances polêmicos. Deixamos isso para os debates de mesas redondas, bares e botecos.

Mas como você provavelmente deve fazer parte do time dos apaixonados por futebol, podemos analisar elementos do esporte que podem ser aproveitados no processo de criação de artes gráficas, como por exemplo, o design de camisas de futebol!

O processo de criação das estampas para uniformes de jogadores e comissão técnica, percebemos que o desenho faz toda a diferença em um uniforme criativo e diferenciado. Porém, muitas vezes há também a necessidade de proporcionar uma imagem “tradicional” ao uniforme, por carregar o “peso” da camisa e a tradição do clube. Isso ocorre da mesma forma no mercado gráfico.

É muito comum durante o processo de criação de um folheto ou de um cartão de visita, por exemplo, o pedido de uma arte mais complexa. Imagine que seu cliente, um advogado jovem com poucos anos de exercício da profissão, peça um cartão com visual moderno, com estilo próprio, e que chame a atenção, para ser efetivo na atração de clientes, mas que ao mesmo tempo comunique a seriedade e a tradição que a profissão exige.

Leia também no blog da Paulista: Cartões de visita criativos: 7 modelos incríveis ara você se inspirar

Para isso, você precisa colocar a criatividade em prática e utilizar novas linhas, coberturas, acabamentos e cores para chegar ao cartão de visita que seu cliente sonhou.

Pensando dessa forma, vamos dar uma olhada em alguns uniformes utilizados por times paulistas e como ocorreu a evolução em seu desenho e estampas.

Confira o design de camisas de futebol dos principais times paulistas

Vamos analisar os modelos mais recentes, a partir dos anos 2000.

desing-camisa-futebol

crédito: meutimao.com.br

Este modelo de uniforme do Corinthians na cor branca, utilizado em 2012, tem o fundo com a logo do estado de São Paulo em marca d’água, fazendo assim uma forte ligação regional com torcedor. A marca d’água em toda a camisa é um detalhe que faz a diferença no visual. Perceba como é limpo, destacando o escudo e o patrocinador.

De quebra, a camisa é produzida a partir de garras pet recicladas. Que tal atribuir um conceito sustentável aos seus materiais gráficos, usando, por exemplo, o papel reciclato? 😉

 

design-camisa-futebol

crédito: meutimao.com.br

 

Já no uniforme da temporada anterior (2011), a camisa é na cor preta com listras brancas, lembrando um terno risca de giz, porém com a modernidade das listras levemente inclinadas. Esse conceito foi criado especificamente para destacar uma “ocasião especial”, que era a participação do time na copa Libertadores da América.

As listras também dão um destaque para a marca do patrocinador, que quebra o padrão vertical das listras.

 

São propostas de design que respeitam a identidade visual do time, seguindo suas cores tradicionais, e o brasão do clube, inserindo elementos (risca de giz e marca d’água) que tornam os produtos exclusivos.

Assim como nas camisas, elementos gráficos diferenciados tornam materiais gráficos, como folders, calendários, pastas, blocos de anotações e cartões de visitas muito mais interessantes e irresistíveis!

Tenha o cuidado de enviar a arte corretamente, convertendo os efeitos em imagens, para que a impressão saia perfeita.

Leia também no blog da Paulista: Impressão gráfica sem erros: 5 dicas para aplicar ainda hoje!

Design: tenha cautela com mudanças de padrões

É preciso tomar cuidado quando for utilizar grandes mudanças no visual padrão de comunicação, pois se em um primeiro momento elas podem ser vistas como inovação e modernidade, passada a euforia, podem não causar uma boa impressão para seus clientes.

design-camisa-futebol

crédito: guiadoboleiro.com.br

 

O Palmeiras está usando neste ano uniforme com a sua cor tradicional, verde, com listas verticais em verde mais escuro. O escudo foi trocado pela letra “P” estilizada no mesmo modelo do primeiro uniforme de quando o clube passou de Palestra Itália para seu então “novo nome”, Palmeiras. É um visual sóbrio e clássico.

design-camisa-de-futebol

crédito: palestrino.wordpress.com

 

 

Mas em 2007, o time lançou um uniforme reserva em um tom de verde bastante chamativo. Apesar de ser moderno e trazer um visual diferenciado, acabou dividindo opiniões, sendo criticado por grande parte do público e torcedores. Foi utilizado até 2010.

Neste caso vemos que, após uma aposta em uma grande inovação que não foi muito bem aceita, o clube decidiu recorrer ao “resgate de origens”, com um design sólido e inovação simples, como as listas na vertical, um detalhe que nunca havia sido utilizado até então pelo clube, porém com sua cor tradicional e até seu primeiro escudo de volta.

Leia também no blog da Paulista: Combinação de cores: aprenda de uma vez por todas a criar harmonias incríveis!

Um material em estilo clássico pode ser inovador, acrescentando detalhes e acabamentos como um folder com dobras, ou um cartão de visitas com Verniz Localizado, Cantos Arredondados, e até uma matéria-prima mais elaborada, como um Cartão de visita em PVC. Esses detalhes é que farão toda a diferença em seu material de divulgação!

No processo de criação da arte gráfica, o designer pode (e deve) colocar suas ideias e seu estilo, mas sempre levando em conta o que o cliente realmente deseja, tendo também bom senso para que o material não se destaque de forma negativa.

Se a intenção é ser um cartão clássico, não pode conter excesso de informações e cores chamativas, por exemplo. Ou um folder de loja contendo várias promoções e ofertas, por exemplo, jamais deve ficar sem espaço para informar os horários de atendimento e contatos para tirar possíveis dúvidas.

Leia também no blog da Paulista: 7 dicas para fazer o melhor folder do mundo

Design: aposte no clássico!

Abaixo temos dois exemplos de uniformes que praticamente mantêm o mesmo design e padrões há muito tempo, que são os times do São Paulo e do Santos. Ambos inovam pouco em seus desenhos de uniformes.

O São Paulo tem apenas dois uniformes, ao contrário dos demais times, que têm o uniforme principal e dois reservas. O time do Santos, preza pela simplicidade das cores preta e branca.

Uniformes do São Paulo de 2007 e de 2012 (crédito: spfc.net)

Uniformes do São Paulo de 2007 e de 2012 (crédito: spfc.net)

As alterações são basicamente no tamanho e largura das faixas, e na tonalidade das cores. O layout tem variações mínimas.

Uniformes do Santos em 2002 e 2015 (créditos: torcedores.uol.com.br)

Uniformes do Santos em 2002 e 2015 (créditos: torcedores.uol.com.br)

Nos modelos do Santos, a mudança é praticamente imperceptível. O clube sempre faz alternância entre uniforme com uma das cores dominante, e outras vezes com listras. Em ocasiões especiais, como no seu centenário, utilizou o azul, por ser a cor de seus primeiros uniformes, mas como no caso do Palmeiras, também não foi bem aceito por parte da torcida.

Esses são exemplos de design de camisas de futebol para ajudar nos processos de criação de designers, como você, nosso parceiro, que precisa atender aos mais variados tipos de pedidos e solicitações, para criar cartões de visita, panfletos, pastas, calendários e tantos outros produtos, sempre com um intenso nível de criatividade e inovação, buscando aliar a estética com a identidade do cliente.

Conheça os produtos disponíveis no site da Paulista, estamos com novo visual! Temos preços competitivos, prazos de produção rápidos e entrega gratuita em diversos balcões de retirada espalhados por todas as regiões do Brasil, especialmente no estado de São Paulo!

Design de camisas de futebol dos times paulistas
Avalie este post
Deixe o seu comentário Todos os campos são obrigatórios