Planejamento: como vender mais em 2018

É, amigo. Passou a correria de final de ano, passou o natal com direito à ceia farta (e alguns quilos a mais), passou o reveillon, com a clássica champagne e votos de um ano melhor do que 2017, e para alguns passou também o ciclo de viagens, enquanto para outros esse período ainda vai se esticar um pouco.

Mas, independente de você ainda estar curtindo as férias ou já estar na ativa, uma coisa é certa: para aumentar as vendas e ter resultados muito melhores do que os do ano passado é preciso PLANEJAR seu negócio!

Planejar não é ter uma ideia mais ou menos vaga de como serão as coisas, mas sim colocar no papel o lugar exato em que seu negócio está e aonde você pretende que ele chegue, como também os passos que precisam ser dados para chegar no lugar desejado.

Veja abaixo os principais passos para planejar seu negócio para um 2018 de sucesso!

Identifique pontos fortes e fracos

Profissionais de marketing frequentemente se deparam com a famosa análise de SWOT, ou, no jargão abrasileirado, análise FOFA (Forças, Oportunidades, Fraquezas e Ameaças).

Essa análise nada mais é do que levantar com precisão e sinceridade:

– os principais pontos fortes que seu negócio tem, ou seja, as vantagens em relação à concorrência;
– os principais pontos fracos, isto é, aqueles ainda vulneráveis que precisam ser vistos com mais cuidado para que sejam reduzidos;
– as oportunidades, que podem ser aproveitadas para atingir os objetivos;
– as ameaças, que precisam ser identificadas para criar ações que reduzam os riscos.

Dois exemplos rápidos:

Imagine que José é dono de uma pequena gráfica e, ao fazer seu planejamento, identificou que seus custos fixos são relativamente baixos e por isso é mais fácil oferecer preços menores do que a concorrência. Seus preços naturalmente se tornam uma vantagem de mercado, ou seja, um ponto forte, em meio a um cenário econômico de instabilidade.

Já Antônio é um revendedor gráfico que trabalha em casa. Percebendo que no ano passado por pouco não conseguiu entregar seus trabalhos a tempo em várias ocasiões, identificou que ter que dar conta de tudo sozinho (execução dos trabalhos, vendas, orçamentos, gestão financeira,etc.) é um dos pontos fracos do seu negócio. Descobrindo isso durante o processo de planejamento, Antônio decidiu ir atrás de designers freelancers para fechar uma parceria, na qual ele irá direcionar a criação das artes para eles quando a demanda estiver muito alta, diminuindo os riscos e solucionando uma ameaça ao seu negócio.

Nos dois exemplos acima, as situações podem ser resolvidas a partir do processo de planejamento 🙂


Para aumentar as vendas e ter resultados muito melhores do que os do ano passado é preciso planejar seu negócio!

Estabeleça objetivos

“Se você não sabe para onde quer ir, qualquer caminho serve”.

A frase memorável do gato misterioso no conto Alice no País das Maravilhas é muito utilizada em livros, aulas e palestras sobre planejamento empresarial e sempre cai como uma luva para mostrar a importância de estabelecer seus objetivos claramente.

Faça uma lista com os principais objetivos a atingir com seu negócio em 2018. Alguns exemplos:

– atingir faturamento mensal de X        
– dobrar o número de orçamentos enviados     
– penetrar no mercado X            
– contratar mais um ou mais funcionários

E por aí vai 🙂

Defina metas

Metas são objetivos quantificados, isto é, o que se espera atingir durante o período planejado.

Exemplos:

Objetivo: Aumentar vendas     
Meta: Vender 20% a mais mensalmente

Objetivo: Penetrar no mercado corporativo (ou seja: começar a vender para empresas)
Meta: Vender R$X para o mercado corporativo no primeiro semestre

Uma dica importante: defina objetivos e metas que sejam viáveis de atingir. Ao mesmo tempo tenha ousadia para criar objetivos e metas desafiadoras, que exijam um esforço extra para alcançar!

No mais, com planejamento e muito esforço, 208 tem tudo para ser um ano de enormes conquistas. Afinal de contas, enquanto na crise alguns veem desgraça, outros veem oportunidade. 😉

Gostou desse conteúdo? A Gráfica Paulista tem muito mais para ajudar você a alcançar os objetivos do seu negócio em 2018!

Quem é a Gráfica Paulista?          
Somos uma gráfica online especializada no atendimento a revendedores de materiais gráficos. Para proporcionar tudo o que você precisa para ter sucesso nesse mercado, oferecemos prazos de produção curtos e preços baixos, para que você aplique sua margem de lucro.
Conheça nossos produtos e comece hoje mesmo a trabalhar no mercado gráfico!

 Aproveite para ler também os textos abaixo:

Revendedor gráfico: descubra seu perfil de empreendedor

Tudo o que você precisa saber para ser um revendedor gráfico de sucesso

 

Planejamento: como vender mais em 2018
5 - 4 votos
Deixe o seu comentário Todos os campos são obrigatórios